www.engenharia-brasil.com
ARC INFORMATIQUE

O Município de Northern Rockies atualiza o seu SCADA para todas as operações de tratamento de água e de águas residuais

O Município de Northern Rockies localizado na zona nordeste da Colúmbia Britânica tem a sorte de registrar uma prosperidade considerável e de possuir uma grande diversidade de recursos naturais, um vasto patrimônio e muitos atributos culturais. Ao longo das últimas quatro décadas o município passou por bons e maus momentos, devido ao crescimento e à diminuição de diversos recursos e das atividades de desenvolvimento. Existem algumas propostas de desenvolvimento interessantes como, por exemplo, a "Horn River Shale Gas Development", uma parceira de trabalho que pretendia ligar as comunidades do Município de Northern Rockies, de Fort Nelson e de First Nation à indústria petrolífera e do gás e a agências governamentais regionais.

O Município de Northern Rockies atualiza o seu SCADA para todas as operações de tratamento de água e de águas residuais

Configuração do sistema de tratamento de água

Como forma de apoiar essa parceria, as estações de tratamento de água e de águas residuais do Município de Northern Rockies (que incluem uma rede de unidades de bombeio e outras instalações) produzem a água tratada necessária para o funcionamento da indústria petrolífera e do gás e às atividades florestais e mineiras, servindo ainda os cerca de 5000 habitantes que residem nesse município. Existe uma estação de água potável que abastece todos aqueles que não recebem água da rede pública, bem como caminhões que transportam água até às operações realizadas na indústria petrolífera e do gás como, por exemplo, a fratura hidráulica.

"Fort Nelson possui uma estação de água potável totalmente automatizada que garante diariamente uma média de 400 m3 (14 125,9 pés cúbicos) de água tratada para fins industriais e residenciais. Essa estação está totalmente integrada no sistema SCADA do município, fato que facilita o monitoramento do débito, o alerta relativamente a sistemas de rastreamento de calor e de caldeiras, bem como a indicação das tendências dos níveis de resíduos de cloro da água fornecida, etc.", mencionou Michael Ferguson, Especialista em Automação e Eletricidade para o Município de Northern Rockies.

De acordo com Ferguson, o município deixou recentemente o agora antiquado FactoryLink da Siemens e passou a usar o PcVue em conjunto com o seu sistema SCADA. Ferguson refere também que o sistema SCADA de Fort Nelson inclui 22 unidades terminais remotas Motorola ACE em diversas estações elevatórias e de bombeio que se comunicam através de uma rede de rádio IP de 900 MHz. "Temos dois gateways IP da Motorola (pertencentes à plataforma Ace3600) que se encontram configurados de modo primário e redundante. Os gateways IP são um vínculo que se interpõe entre a rede de unidades terminais remotas de campo e os servidores de gerenciamento (também configurados de modo redundante). Nossos servidores encontram-se na estação de tratamento de águas do município."

Com a ajuda do seu revendedor de valor acrescentado, a CTH Systems, foi escolhido o pacote de hardware PcVue SCADA que se integra na perfeição no IM-SCADA™ da CTH Systems, um avançado software de avaliação e comunicação multiprotocolo. "A CTH Systems forneceu o componente-chave (o software driver IM-SCADA) que permitiu uma transição rápida para o PcVue," referiu Ferguson.

A CTH Systems utilizou a ferramenta de desenvolvimento de aplicativos SCADA do PcVue denominada Smart Generator para migrar as aplicações de Northern Rockies para uma arquitetura SCADA mais segura e consistente. O PcVue e o software IM-SCADA da CTH mantêm-se nestes servidores em conjunto com os bancos de dados históricos.

A instalação de Fort Nelson: a primeira e a única aplicação servindo várias áreas do município

Essa instalação de Fort Nelson é também a primeira e a única aplicação na Colúmbia Britânica servindo não só a indústria mas também as empresas e os habitantes locais. A instalação abrange mais de 10% da província e engloba a maioria da vasta parceria "Horn River Shale Gas Development". Ferguson gerencia os sistemas elétricos e as componentes de controlo dos processos, a automação e a comunicação da infraestrutura de água e de águas residuais do município.

Atualmente, o sistema SCADA de Fort Nelson gerencia cerca de 8000 tags. Com importantes projetos em curso como, por exemplo, a estação de desinfecção por UV para tratar efluentes de águas residuais, o sistema encontra-se preparado para o crescimento. O processo de tratamento de águas de Fort Nelson começa pela captação de água não tratada do rio Muskwa, a jusante da ponte da estrada do Alasca. Existem diversos processos críticos envolvidos no enchimento dos reservatórios de água não tratada do município. A captação inicial da água não tratada a partir do rio Muskwa exige um bombeio em várias fases com controle de PID para superar a incrível pressão de entrada e controlar os caudais variáveis.

"Para nós, o processo de tratamento de água não é estático. As variáveis do processo como, por exemplo, turvação, cor e compostos orgânicos são influenciadas pelas condições atmosféricas, etc. Por exemplo, uma vez ocorreu um deslizamento de terras que afetou o rio do qual retiramos água não tratada", referiu Ferguson.

O Município de Northern Rockies atualiza o seu SCADA para todas as operações de tratamento de água e de águas residuais

Geração de relatórios e tendências para manutenção preventiva

A CTH forneceu apoio de engenharia para permitir ao município exportar dados no formato de arquivo .CSV para um serviço de geração de relatórios e tendências denominado FlowWorks. O FlowWorks restringe os dados recebidos com diversos algoritmos como, por exemplo, a média ponderada no tempo para permitir que o pessoal não operacional do município visualize as tendências e gere os relatórios. Além disso, a CTH forneceu a possibilidade de criação de tendências em tempo real e de dados históricos como uma funcionalidade incluída no driver IM-SCADA. Esta funcionalidade exibe os dados necessários para a tomada de decisões sobre como otimizar as operações da melhor maneira.

À medida que trabalha continuamente para desenvolver o potencial do sistema SCADA de água e de águas residuais de Fort Nelson, Ferguson pretende integrar o PcVue em outros aplicativos de gerenciamento como, por exemplo, no seu sistema de ordem de trabalhos. "O objetivo da nossa filosofia responsável de gerenciamento e de manutenção preventiva é juntar diversos sistemas de software como, por exemplo, SCADA, PDA e aplicativos de ordem de trabalhos. ", menciona Ferguson.

Ferguson está atualmente trabalhando para que seja possível ter ordens de trabalhos geradas automaticamente baseadas nos tempos de funcionamento e nas alterações de pressão que indicam o desgaste das vedações. Além disso, Ferguson gostaria de poder visualizar dados de sistema como, por exemplo, alertas, pressão e níveis a partir de dispositivos móveis, tais como, celulares iPhone, algo agora possível através da utilização da versão mais recente do driver IM-SCADA.

Atualmente, o PcVue está configurado para ter um sinóptico por instalação em conjunto com janelas de pop-up configuradas para que caso sejam necessárias informações adicionais numa unidade de bombeio ou caso seja essencial transmitir determinados valores críticos, basta um operador clicar no ícone para abrir a janela de pop-up fornecendo as informações necessárias.

O PcVue contribuirá para o esforço que Fort Nelson tem feito tendo em vista a redução das reparações necessárias e das substituições inesperadas de equipamentos. Esse objetivo pode ser alcançado através da personalização da funcionalidade de geração de relatórios e alertas detectando problemas na sua fase inicial. A utilização de um sistema SCADA totalmente automatizado é essencial para a prevenção do tempo de parada dos serviços de água e de águas residuais fornecidos por esse município em crescimento.

O Município de Northern Rockies atualiza o seu SCADA para todas as operações de tratamento de água e de águas residuais

  Peça mais informações…

LinkedIn
Pinterest

Junte-se aos mais de 15 mil seguidores do IMP